Interaja com a gente!

Descascando | Jota Jr. – Idealizador e Coordenador

Já que o nosso time é repleto de colírios e como vovó sempre diz que “o que é bonito é pra se mostrar”, trazemos pra você, com exclusividade e prioridade na fila do pão nosso de cada dia, o projetinho mais “Caprichoso” da firma: o Descascando!

Em uma mistura do “De frente com Gabi” com revistinhas adolescentes dos anos 90, utilizando frutas da estação puxadas por chamadas sensacionalistas, essa série de matérias vai es-can-ca-rar a vida pessoal, amorosa e talvez profissional desta equipe de trabalho.

O descascando da vez é uma fruta que não descasca, mas que se come até o caroço ( e olha que caroço de caju tá custando os olhos da cara no supermercado). Preços à parte, o Cajuarez vale mais que ouro, é o “cabeção” da família, aquele que tem o dom de fazer o sonho de mudar o mundo virar realidade sem ser piegas e careta.

Embora saibamos que ele não é muito fã de fruta e que gosta mesmo é de uma comida “expurgosa”(piada interna para comida gordurosa e saborosa), vamos tacar muito creme de leite, sorvete e calda de açúcar em cima desse Cajuarez e ver quais os sabores ele tem escondido dentro desta fruta exótica, intensa e tropical.

IMG_5820_1

Preliminares: dois beijinhos pra começar

Nome ou apelidinho carinhoso
Juarez, ou Jota pra você. Ou Juarez pra mim?

Idade (sem mentir)
28 quase 30.

Defina seu mapa astral
Peixe de água doce (peixes, tá), iluminando em caranguejo (câncer, gente) e olhando juntos pra lua em escorpião ( ͡° ͜ʖ ͡°).

Número da sorte
Dizem que é do bem, dizem que é do mal. Às vezes acompanha estrelas cadentes: 13 – “ai que saudade da minha ex”.

Quem é você numa paleta de cores?
Amarelão cega zói.

Canudo, certificado e/ou tutorial da internet

Quem é você no Atitude?
O todo poderoso, aquele auxiliar de serviços gerais, desenvolvedor de projetos, emissor de propostas comerciais, estimulador de sonhos, varredor das áreas sociais, criador de layout, transformador de sal grosso em açúcar refinado, ou limpador de vidro? Logo, idealizador e coordenador geral da Atitude Inicial.

Já frequentou alguma sala de aula com objetivos profissionais?
Algumas.

E o que você aprendeu? Conte-nos uma experiência prática.
(Não quero ouvir aquele discursinho que você diria pra mamãe.)
Que uma hora pode durar dias, e que um tutorial pode valer mais que mil lattes.

Cite três momentos em que podemos te usar:
(Profissionalmente, claro. Brincadeira, rs. Não, é sério!?)
Pra ter ideias, organizar estrategicamente e transformar em prática.

E três momentos em que não podemos te usar:
(Tipo, de jeito nenhum, sai de mim, não te quero, me solta. Não é você, sou eu.)
Pela manhã, muito cedo e quando eu não posso dormir até tarde. Obrigado, de nada.

Você por você


Ela sendo ela…
Vish. Passo essa, Silvio.

Comida, não comida, mal ou bem comida?
Loop: salgado, doce, salgado, doce, salg… e o que estiver mais gostoso termina.

Comente:
Oi.

Qual musiquinha chiclete você diz que não gosta, mas quando tá sozinhx dança e canta na frente do espelho rebolando o bumbum?
Des-paa-cito… pronto, agora é o dia todo com esse trem na cabeça.

Complete “Vai malandra…”:
Que tiro foi esse?

Segundo um pensador contemporâneo anônimo não identificado “Mente vazia é oficina do…”. O que você faz nas horas vagas para não cair na tentação?
(Se é que a gente te dá algum tempo livre…)
Que medo é esse da tentação, minha gente? Caio, ralo o joelho subindo alguma trilha por aí no meio do mato. Não resisto nem nego uma boa estrada e, claro, perdão pela Netlix <3

Fofoca é bom e todo mundo gosta. Pra encerrar, fala aqui no pézinho do ouvido aquele segredinho caliente, que você não contou nem pra sua própria sombra:
Eu ouço vozes e costumo confiar (muito) nelas. É sério. Será?

FIM

Antes mesmo de concluir, saiu dando umas três cambalhotas, atendendo o telefone, procurando o computador e correndo pra pagar boleto.
Obrigado, Jota.

IMG_5768_1

Jota

Sobre Jota

Idealizador e Coordenador Criativo do Atitude Inicial. Patologicamente apaixonado por gente, por descoberta e pela estrada! Alguém que se alimenta de utopias.